O tempo das flores.

 

Quero falar  pra vocês sobre um assunto que ninguém gosta de falar.

 

As flores tem seu tempo de vida e enquanto vivas enfeitam, perfumam e alegram nossos olhos com sua beleza.

 

marta_alencar-3

 

“As flores morrem…

 

_MG_0215

 

…viram perfume”

 

marta_alencar-4

 

“Passarinho morre,

 

marta_alencar-6

 

…vira melodia”

 

marta_alencar-7

 

As pessoas também morrem e viram saudade.

 

marta_alencar-5

 

Quando uma  pessoa querida morre, ficamos muito… muito triste.

É natural a gente chorar ou falar da nossa tristeza. Não há problemas em chorar, não importa a idade que se tenha.

Algumas pessoas não choram, mesmo tendo saudade.

Tudo bem caso você não chore.

 

marta_alencar-8

 

Na nossa cultura quando alguém morre, fazemos um funeral.

Funeral é uma cerimônia onde amigos e familiares se reúnem para se despedir da pessoa que morreu.

Depois a pessoa é colocada em um caixão e levada para o cemitério para ser enterrada ou cremada.

 

 

marta_alencar-10

 

Depois da morte, não vemos mais a pessoa que amamos e muitos sentimentos diferentes podem surgir dentro da gente.

As vezes pensamos que somos culpados pelo que deixamos de fazer pela pessoa.

 

marta_alencar-2

 

Outras vezes sonhamos, como se ela estivesse viva ou temos pesadelos.

Podemos também sentir medo de morrer ou de perder alguém da família.

 

marta_alencar-11

 

Quando estiver muito triste, peça ajuda a alguém da sua família, converse sobre o assunto, veja fotos da pessoa.

 

 

marta_alencar-9

 

Nunca esqueça dos momentos bons e das coisas boas que viveu com ela. As lembranças ficarão para sempre dentro de você.

 

 

marta_alencar

 

 

Me inspirei em uma linda poesia de Lalau (Lazaro Simões Neto) que li no livro “Meu filho pato”

e em um livro infantil que se chama: “Quando seu animal de estimação morre” de Victória Ryan,

com a intenção de ajudar as crianças a elaborarem e entenderem sobre um assunto que a maioria dos

adultos não gostam de falar.

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios