Nepal: Rodas (?) na trilha.

Confesso que me senti insegura para fazer essa trilha no Himalaya. Quando fico insegura me lembro e tenho vontade de entrar nas “bolhas” que minha mãe queria me colocar hehehe …do conforto e segurança que aquele lugar imaginário poderia me proporcionar.

Mas eu não ia desistir, afinal desde pequena eu rompia as bolhas…
Vou encarar!!! Perguntei ao Devi Bahal dono da agência Adventure Nepal Eco Treks:

Eu  -Devi é possível uma pessoa cadeirante fazer uma trilha no Himalaya?
Ele –Tina na imaginação podemos tudo.
Eu – Imaginar nos faz mais feliz!!! Bora lá!!!

Namastê!!! Uma conexão com o mundo espiritual sempre ajuda!!

De Kathmandu até o inicio da trilha, o povoado Jiri (190 Km) faríamos em 8hs se o nosso 4×4 não tivesse quebrado.

Mas em 2hs veio outro carro, mais bonito!!! hehehe…

Adorei o capricho dos detalhes.
Em breve a aventura continua, aguardem. bejin

Nota da idealizadora:
A Tina descolada mora no reino do imaginário, é um conceito de possibilidades. No reino da realidade cada um deve saber do seu possível. (Marta Alencar)

Anúncios